Cursos de Teologia, Capelania, Psicanálise Clínica, Psicologia Pastoral, Formação Pastoral, Coordenação de encontro de casais, Básico em Teologia, Médio em Teologia, Bacharel em Teologia.
Quarta-feira, 04 de Abril de 2012

Que diz a Bíblia sobre a homossexualidade? A Bíblia diz em Romanos 1:26-27: “Pelo que Deus os entregou a paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural no que é contrário à natureza; semelhantemente, também os varões, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para como os outros, varão com varão, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a devida recompensa do seu erro.”

O homosexualismo diante de Deus segundo a Bíblia

É a homossexualidade um pecado? A Bíblia diz em Levítico 18:22: “Não te deitarás com varão, como se fosse mulher; é abominação.”

Pode uma pessoa que pratica a homossexualidade ser salva? A Bíblia diz em 1 Coríntios 6:9: “Não sabeis que os injustos não herdarão o reino de Deus? Não vos enganeis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas.”

Como todos os pecadores, aqueles que praticam a homossexualidade devem se arrepender. A Bíblia diz em 1 Timóteo 1:10-11: “Para os devassos, os sodomitas, os roubadores de homens, os mentirosos, os perjuros, e para tudo que for contrário à sã doutrina, segundo o evangelho da glória do Deus bendito, que me foi confiado.”

Devemos abandonar qualquer ação de pecado e necessitamos o perdão de Deus. A Bíblia diz em 1 Coríntios 6:11: “E tais fostes alguns de vós; mas fostes lavados, mas fostes santificados, mas fostes justificados em nome do Senhor Jesus Cristo e no Espírito do nosso Deus.”

Há esperança para aquele que pratica a homossexualidade. A Bíblia diz em 1 Coríntios 10:13: “Não vos sobreveio nenhuma tentação, senão humana; mas fiel é Deus, o qual não deixará que sejais tentados acima do que podeis resistir, antes com a tentação dará também o meio de saída, para que a possais suportar.”

Se você estás praticando a homossexualidade, que deve fazer?

Primeiro, reconhecer o seu pecado. A Bíblia diz em Salmos 51:2-4: “Lava-me completamente da minha iniqüidade, e purifica-me do meu pecado. Pois eu conheço as minhas transgressões, e o meu pecado está sempre diante de mim.”

Segundo, pedir que o seu pecado seja perdoado. Deus diz que pode começar uma vida nova. A Bíblia diz em Salmos 51:7-12: “Purifica-me com hissopo, e ficarei limpo; lava-me, e ficarei mais alvo do que a neve. Faze-me ouvir júbilo e alegria, para que se regozijem os ossos que esmagaste. Esconde o teu rosto dos meus pecados, e apaga todas as minhas iniqüidades. Cria em mim, ó Deus, um coração puro, e renova em mim um espírito estável. Não me lances fora da tua presença, e não retire de mim o teu santo Espírito. Restitui-me a alegria da tua salvação, e sustém-me com um espírito voluntário.”

Terceiro, acreditar que Deus lhe perdoou deveras e parar de se sentir culpado. A Bíblia diz em Salmos 32:1-6: “Bem-aventurado aquele cuja transgressão é perdoada, e cujo pecado é coberto. Bem-aventurado o homem a quem o Senhor não atribui a iniqüidade, e em cujo espírito não há dolo. Enquanto guardei silêncio, consumiram-se os meus ossos pelo meu bramido durante o dia todo. Porque de dia e de noite a tua mão pesava sobre mim; o meu humor se tornou em sequidão de estio. Confessei-te o meu pecado, e a minha iniqüidade não encobri. Disse eu: Confessarei ao Senhor as minhas transgressões; e tu perdoaste a culpa do meu pecado. Pelo que todo aquele é piedoso ore a ti, a tempo de te poder achar; no transbordar de muitas águas, estas e ele não chegarão.”

A Bíblia e o Homossexualismo

Alguns em nossa época insinuam que a Bíblia é ambígua com relação à questão homossexual. Dizem que são cristãos e acreditam em Deus, porém pensam que a Bíblia não dá respostas claras sobre o homossexualismo. O cristão verdadeiro não gosta de se envolver em discussões, porém o que há para discutir? A Bíblia não é suficientemente clara? O Antigo Testamento classifica o homossexualismo como abominação, um dos pecados que Deus odeia. O Novo Testamento considera o homossexualismo como paixão vergonhosa e contra a natureza, com seus atos indecentes e perversão (veja Romanos 1:26-27), e alerta que todos os que o praticam perdem o direito de entrar no Reino de Deus (veja 1 Coríntios 6:10). Os ativistas gays não querem acreditar nisso. Talvez até você não acredite nisso. Mas isso não muda a realidade: a Bíblia é clara sobre essa questão. Não há nada na Palavra de Deus sugerindo que Deus pode ter mais de um posicionamento sobre o homossexualismo.

Vamos então a um estudo bíblico bem básico.

No Antigo Testamento Deus diz: "Com homem não te deitarás, como se fosse mulher; é abominação". (Levítico 18:22 RA). Para mim, o que Deus declara nessa passagem parece ser perfeitamente claro. Talvez você tenha outra interpretação. Com certeza, os militantes gays têm. No capítulo 18 do livro de Levítico, Deus afirma que as práticas homossexuais, e outros pecados que ele vê como abominação, contaminam a terra, expondo-a a maldições. De acordo com a Bíblia, a maior causa de tragédias nacionais, como secas, é provocada pela tolerância ao pecado.

Então no Novo Testamento, Paulo escreve: "Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos e trocaram a glória do Deus imortal por imagens feitas segundo a semelhança do homem mortal, bem como de pássaros, quadrúpedes e répteis. Por isso Deus os entregou à impureza sexual, segundo os desejos pecaminosos do seu coração, para a degradação do seu corpo entre si. Trocaram a verdade de Deus pela mentira, e adoraram e serviram a coisas e seres criados, em lugar do Criador, que é bendito para sempre. Amém. Por causa disso Deus os entregou a paixões vergonhosas. Até suas mulheres trocaram suas relações sexuais naturais por outras, contrárias à natureza. Da mesma forma, os homens também abandonaram as relações naturais com as mulheres e se inflamaram de paixão uns pelos outros. Começaram a cometer atos indecentes, homens com homens, e receberam em si mesmos o castigo merecido pela sua perversão". (Romanos 1:22-27 NVI)

Apesar das muitas tentativas de teólogos pró-homossexualismo de distorcer a Palavra de Deus, ainda não apareceu nenhum que pudesse apresentar um único versículo que indique uma posição de Deus mais "tolerante" para com o homossexualismo. Falando de modo geral, o melhor que os ativistas gays conseguem sugerir é que Jesus nunca falou nada contra o homossexualismo.

Há dois problemas com relação a esse tipo de pensamento.

Primeiro, as leis do Antigo Testamento são declaradamente contra o comportamento homossexual. Então, qual é a posição de Jesus com relação a essas leis? Ele mesmo diz: "Não penseis que vim revogar a Lei ou os Profetas; não vim para revogar, vim para cumprir. Porque em verdade vos digo: até que o céu e a terra passem, nem um i ou um til jamais passará da Lei, até que tudo se cumpra". (Mateus 5:17-18 RA). Jesus não veio destruir o Antigo Testamento, mas cumpri-lo. Portanto, ele nunca contradisse as leis do Antigo Testamento, fossem sobre estupro, assassinato ou homossexualismo. Pelo contrário, ele costumava citar, ensinar, explicar e confirmar o Antigo Testamento.

Segundo, Jesus deixou bem clara sua posição sobre a sexualidade humana. Ele disse: "Não tendes lido que, no princípio, o Criador os fez macho e fêmea e disse: Portanto, deixará o homem pai e mãe e se unirá à sua mulher, e serão dois numa só carne? Assim não são mais dois, mas uma só carne. Portanto, o que Deus ajuntou não separe o homem". (Mateus 19:4-6 RC). Nessa passagem, Jesus ensina e confirma que o Criador criou na humanidade apenas macho e fêmea. Citando o livro de Gênesis no Antigo Testamento, ele mostra que a sexualidade humana envolve exclusivamente homem e mulher e seu chamado para o casamento, onde se tornam uma só pessoa diante de Deus. Assim, por determinação divina, o chamado para o casamento e sexo tem alvo específico: o homem e a mulher. A única isenção que Jesus concede é para os eunucos, pessoas que fizeram o compromisso de renunciar ao casamento a fim de dedicar a vida completamente para o serviço de Deus. Eunucos também são as pessoas que, por algum acidente ou deficiência física, não podem gerar nova vida. Jesus nunca insinuou que os homossexuais, lésbicas, transexuais, travestis ou bissexuais são eunucos ou estão incluídos no chamado de casamento e sexo que Deus deu à humanidade.

Ainda que os ativistas pró-homossexualismo ensinem que é possível crer na Bíblia e no homossexualismo como uma conduta aceitável, a Palavra de Deus não dá espaço para dúvidas e para outras interpretações na questão da relação entre homens e mulheres. Enquanto eles se esforçam para encontrar um só versículo que apresente o homossexualismo como algo diferente de abominação, vergonha e perversão, podemos fazer a escolha de crer na Bíblia ou não. Contudo, o que não podemos fazer é afirmar que a Palavra de Deus diz sobre o homossexualismo algo que realmente nunca disse.

Julio Severo

publicado por institutogamaliel às 19:39


mais sobre mim
pesquisar
 
Abril 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
13
14

15
16
17
21

22
23
24
25
26
27
28

29


Últ. comentários
No seu site, vc esta citando o nome de MEU PAI, se...
Como não consegui encontrar um "Fale Conosco" no S...
Graça me Paz em Cristo amado. Esse termo devorador...
Edenilson da Silva (http://facebook.com/profile.ph...
Fumar é pecado? http://t.co/H7TH4xGGZ1
10 maiores mitos sobre homossexualidade http://t.c...
Porque o espiritismo atrai tanto??? http://t.co/hY...
O anjo massagista http://t.co/tvszR2eFR9
Organização Angelical http://t.co/rPCf0e8EgY
Ministerio Reobote (http://facebook.com/profile.ph...
arquivos